Notícias

Festival de Dança de Joinville 2014

Dentro ou fora do palco, o Festival de Dança de Joinville é um evento consolidado pela tradição, pelo profissionalismo e pela pluralidade dos participantes. Concorrer na Mostra Competitiva, apresentar-se na Meia Ponta ou Palcos Abertos nas praças, bairros, shoppings e fábricas ou com um foco voltado a atividade didática. O Festival engloba a realização de cursos e oficinas com fins de aperfeiçoamento profissional, workshops gratuitos para os coreógrafos inscritos no evento, seminários de dança, projetos comunitários, palestras, debates, entre outras ações.

Trazer para as noites especiais - Abertura e Gala - espetáculos que sejam  montagens completas de balés consagrados ou peças de destaque de outros gêneros de dança e trabalhos de companhias de renome é também uma preocupação da Curadoria Artística e da organização do evento. Mantido com o apoio de patrocinadores e promovido pelo Instituto Festival de Dança de Joinville, o evento reúne mais de seis mil participantes diretos e atrai público superior a 200 mil pessoas numa média de 170 horas de espetáculos, o que inclusive lhe valeu a citação como o Maior Festival de Dança do Mundo no Guinness Book desde 2005. 
MOSTRA ESTÍMULO 
Um dos grandes princípios norteadores do Festival de Dança de Joinville está em fomentar e proporcionar o desenvolvimento de estudantes, escolas, grupos e profissionais de dança. Pensando nisso, a Coordenação do evento inova em 2014, transformando a Mostra Contemporânea de Dança em uma mostra coreográfica, voltada a participação de grupos que tem uma relação contínua de participação no evento e que já tenham sido premiados nas últimas edições da Mostra Competitiva. Vale lembrar que a Mostra Contemporânea de Dança, quando foi criada em 2001, tinha como objetivo fomentar e proporcionar um espaço cênico para coreógrafos e grupos de dança contemporânea pouco conhecidos no cenário da dança. 
Com o tempo, a Mostra ganhou corpo, conquistou um importante espaço na agenda das companhias e passou a ter em sua programação um maior número de companhias com trabalhos já reconhecidos pelo público. A primeira edição do Estímulo Mostra de Dança será realizada no Teatro Juarez Machado e contará com a participação de quatro grupos: Sheilas Ballet, de Piedade (SP), Especial Academia de Ballet, de São Paulo (SP), Cia. de Dança Vera Passos, de Fortaleza (CE) e Cia. Matheus Brusa, de Caxias do Sul (RS). Esses grupos, além de receberem uma ajuda de custo no valor de R$ 10 mil para viabilizar a montagem das produções, contam também com a orientação e assessoria artística de profissionais renomados, indicados e contratados pelo Festival de Dança. No caso do grupo clássico paulista, Especial Academia de Ballet, o trabalho está a cargo de Iracity Cardoso; no suporte ao espetáculo da Sheilas Ballet está a sapateadora Kika Sampaio; no acompanhamento do trabalho da Cia. de Dança Vera Passos está a professora Teresa Rocha; e na assessoria da Cia. Matheus Brusa está pesquisadora Sigrid Nora.

Autor / Fonte:http://www.ifdj.com.br/2014/




Comentários