Notícias

Seminário Vivo EnCena: Mudanças no Cena Minas e Pontos de Cultura

foto: Eliane Parreiras anuncia mudanças no Prêmio Cena Minas
O Seminário Vivo Encena - Economia e Políticas da Dança reuniu, no seu primeiro dia, entidades representativas das artes cênicas, personalidade da dança e o poder público.

 
Já na abertura do evento duas boas notícias.
A primeira já é realidade. A Secretária de Estado da Cultura de Minas Gerais, Eliane Parreiras, anunciou que o próximo edital do Cena Minas, Prêmio que contempla as artes cênicas - teatro, dança e circo - e que se tornou importante ferramenta para a área cultural, apresentará mudanças significativas de aperfeiçoamento.
A primeira é que o Edital 2012 do Prêmio terá uma implementação de 20% no seu valor total, que na edição anterior foi de R$1.100.000,00. A segunda é uma revisão na contrapartida, uma demanda apresentada pelos grupos, e a terceira é a possibilidade de que pessoas físicas também poderão se inscrever.
Já o Deputado Federal e Membro da Comissão de Educação e Cultura Antonio Roberto disse que os Pontos de Cultura são hoje um projeto importante e que não devem mais estar subjugado ao panorama circunstancial do governo, e que por isso está tramitando um projeto para que os Pontos de Cultura se tornem lei. Disse que a aprovação no Congresso foi unânime e que agora está na esfera do Senado.
O Seminário Vivo EnCena - Economia e Políticas da Dança só começou. A programação é intensa e está sendo exibida online aqui no Centro Cultural Virtual SeráQuê? - Sala Transmissões on line.

 

O Seminário Vivo EnCena – Economia e Políticas da Dança é uma realização da  SeráQuê? Cultural em parceria com o Vivo EnCena, programa Cultural da Vivo para  as Artes Cênicas, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura e do Centro Cultural Virtual SeráQuê?.

 

Toda a programação acontece em Belo Horizonte, no Museu Inimá de Paula – na Rua da Bahia, 1.201, - entre 28 e 30 de junho. A entrada é gratuita.


São mais dois dias de programação:

  

Dia 29 – Sexta-feira

16h Dança na Universidade, um Projeto de Educação

Dulce Aquino – Pro Reitora de Extensão Universitária da UFBA e Membro do Conselho Nacional de Políticas Culturais.

Arnaldo Alvarenga (MG) - Coordenador de curso, professor de dança e professor de teatro e de dança na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG

Mediadora - Bete Arenque (MG) – Bailarina, coreógrafa e educadora – coordenadora de conteúdos do Centro Cultural Virtual SeráQuê?

 

 

Dia 30 - Sábado

10h Transversalidade entre a Gestão, Criação.

Vídeo Painel 

Solange Borelli – Produtora e gestora cultural (SP)

Lucia Matos – Professora e coordenadora do PPG Dança - UFBA / Membro do Grupo Gestor da Red Sudamericana de Danza

Mediadora - Marília Rameh (PE) - Bailarina e coreógrafa e Assessora de Dança da Fundarpe - Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco.

 

14h30

Economia e Criatividade -

José de Oliveira Júnior (MG)  - Diretor de projetos e apoio ao trabalhador associado do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões (SATED-MG) 

Lala Deheinzelin (SP) - Especialista mundial em Economia Criativa & Desenvolvimento Sustentável, e criou e coordena o movimento internacional Crie Futuros.

Mediador - Gustavo Jardim (MG) – Realizador audiovisual, gestor cultural e professor de políticas culturais

O Seminário Vivo EnCena – Economia e Políticas da Dança é uma realização da  SeráQuê? Cultural em parceria com o Vivo EnCena, programa Cultural da Vivo para  as Artes Cênicas, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura e do Centro Cultural Virtual SeráQuê?.

Toda a programação acontece em Belo Horizonte, no Museu Inimá de Paula – na Rua da Bahia, 1.201, - entre 28 e 30 de junho. A entrada é gratuita.

 


Autor / Fonte:Adilson Marcelino




Comentários